quarta-feira, 26 de março de 2014

Assembleia aprova projeto para estruturas temporárias

A Assembleia Legislativa aprovou, na noite desta terça-feira, o projeto de lei que prevê isenção fiscal de até R$ 25 milhões para empresas que bancarem as estruturas temporárias para a Copa do Mundo em Porto Alegre. Foram mais de duas horas de discursos no plenário da Casa.O projeto agora parte para sanção do governador Tarso Genro e para a regulamentação da lei, o que deve ocorrer até o meio da semana que vem, conforme o secretário do Planejamento do Estado, João Motta. Após, o Inter terá de ficar à frente da captação de empresas interessadas em investir nas estruturas temporárias em troca da isenção de ICMS. A proposta era considerada pelos governos estadual, municipal, Inter e Comitê Organizador Local (COL) como a última alternativa para garantir a realização da competição na cidade.

Nenhum comentário: