quinta-feira, 20 de março de 2014

MP liberta PMs presos por arrastar mulher

Apesar de toda a comoção causada pela morte da auxiliar de serviços gerais Cláudia Silva Ferreira, de 38 anos, o Ministério Público aceitou o pedido de liberdade feito pela defesa dos três policiais que estavam no carro que a arrastou por cerca de 350 metros após ela ter sido baleada na manhã do último domingo, no Morro da Congonha. Os subtenentes Rodney Miguel Archanjo e Adir Serrano Machado e o sargento Alex Sandro da Silva Alves estão presos desde segunda-feira. Nesta quarta, eles prestaram depoimento na 29ª DP (Madureira). De acordo com o promotor Paulo Roberto Mello Cunha, da Auditoria da Justiça Militar Estadual, ainda não há elementos suficientes para fazer uma denúncia que mantenha os acusados na cadeia. Caberá agora ao juízo da Auditoria Militar dar a palavra final.

Nenhum comentário: