BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,91, ETANOL: R$ 2,95

BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,91, ETANOL: R$ 2,95

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Delator diz que Temer participou de reunião que cobrou propina


O ex-executivo da Odebrecht Márcio Faria diz, em seu acordo de delação premiada, que participou de uma reunião, em 2010, chefiada pelo presidente Michel Temer, na qual foi acertado o pagamento de US$ 40 milhões de propina relativos a 5% de um contrato da construtora com a Petrobras. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.O presidente da República é citado em dois inquéritos encaminhados pela Procuradoria-Geral da República (PGR), mas não pode ser investigado em razão da "imunidade temporária" que detém na condição de chefe do Executivo.Segundo a publicação, o delator afirma que o encontro ocorreu no escritório de Temer, então candidato a vice-presidente na chapa de Dilma Rousseff, no bairro Alto de Pinheiros, em São Paulo. Rogério Araújo, também executivo da empreiteira, e os então deputados federais Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) também teriam participado da reunião que tratou do repasse.

Nenhum comentário: