BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,550, ETANOL: R$ 2,89

BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,550, ETANOL: R$ 2,89

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Aumenta condenação de PMs acusados de matar tio e sobrinho


Os ex-policiais militares Jonas David Rosa e Jason Ferreira Paschoalino, afastados da corporação por serem acusados de matar tio e sobrinho no Aglomerado da Serra, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, em fevereiro de 2011, tiveram suas condenações aumentadas em mais 3 anos e 6 meses. Anteriormente punidos com pena de 23 anos, eles têm agora, por decisão da 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), uma condenação de 26 anos e 6 meses de reclusão, em regime fechado. Para a elevação da pena, os desembargadores do TJMG levaram em conta as circunstâncias em que os crimes foram praticados.Na ocasião das mortes, o auxiliar de enfermagem Renilson Veriano da Silva, de 39 anos, e seu sobrinho, o adolescente Jeferson Coelho da Silva, de 17, foram assassinados durante uma operação policial no aglomerado em 19 de fevereiro de 2011.

Nenhum comentário: