BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,91, ETANOL: R$ 2,95

BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,91, ETANOL: R$ 2,95

sábado, 8 de julho de 2017

Maia jura lealdade, mas fica mais perto do Poder


O presidente Michel Temer (PMDB-SP) ainda tenta traçar estratégias para barrar a denúncia contra ele na Câmara, mas a semana terminou com o mundo político nacional já considerando a sua sucessão. A bola da vez é justamente o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que recebeu aceno do PSDB, por meio do senador Tasso Jereissati, presidente interino da sigla, e também de outros tucanos.Temer e Maia falaram em lealdade mútua, mesmo estando distantes um do outro: o presidente na Alemanha e o deputado na Argentina. Mas um fato pesou contra as declarações: a aparente dificuldade em arregimentar aliados para barrar a denúncia na CCJ e no Plenário. Sem isso, o presidente seria afastado e Maia assumiria interinamente. Coincidência ou não, o mandatário da Câmara já anda postando nas redes sociais compromissos com o Brasil, sobretudo, com as reformas em andamento.a eleição indireta", disse.

Nenhum comentário: