BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,910, ETANOL: R$ 2,95

BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,910, ETANOL: R$ 2,95

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Redução de homicídios nas cidades da região sul da Bahia

Itabuna e outros municípios da região começam a ter seus índices de assassinatos reduzidos se comparados ao mesmo período do ano de 2016. As cidades são policiadas pelo 15º Batalhão de Polícia Militar e 6ª Coorpin, com sedes em Itabuna. Municípios como Itabuna, Buerarema, Coaraci e Itajuípe apresentam números de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) diferentes dos sete primeiros meses do ano passado. Nos CVLI’s, estão incluídos homicídios, latrocínios (roubos seguidos de mortes) e lesões corporais seguidas de mortes.Na cidade de Buerarema, nos 7 primeiros meses do ano de 2016, foram registrados 11 assassinatos em 2016. Já neste ano, 4 homicídios ocorreram no município. O município de Coaraci também vem apresentando redução. De janeiro a julho de 2016, foram registradas 6 mortes violentas. Em 2017, foram 3 homicídios. Em Itajuípe, foram 14 assassinatos registrados em 2016 nos primeiros sete meses do ano. Em 2017, 10 assassinatos foram registrados até o momento. Apenas um assassinato foi registrado em Itapé de janeiro a julho de 2016. Este ano, não ocorrências de homicídio na cidade. No ano passado, nos setes primeiros meses do ano, 3 homicídios ocorreram em Itapitanga. Em 2017, já são 2 registros. Em Barro Preto, o número seguiu o mesmo no período de janeiro a julho de 2016 e de 2017, 1 homicídio foi registrado. Das cidades da região, a única com aumento no número foi Almadina, que teve apenas 1 assassinato de janeiro a julho de 2016 e 4 no mesmo período de 2017. Em Itabuna, cidade considerada de porte maior do que as citadas anteriormente, possuindo mais de 200 mil habitantes, os números são maiores. Ainda assim, o índice de assassinatos também começa a ser reduzido. Nos sete primeiros meses de 2016, foram 83 homicídios. Este ano, até o momento, foram 76 registros. (Diário Bahia)

Nenhum comentário: