BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,87, ETANOL: R$ 2,97

BAIXOU GERAL NO POSTO DOS TAXISTAS: GASOLINA: R$ 3,87, ETANOL: R$ 2,97

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Sargento PM atira em ex-mulher, mata advogado e suicida em Carbonita


Um sargento da Polícia Militar, inconformado com o fim do casamento, atirou na ex-mulher, matou o advogado da vítima e cometeu suicídio no fim da tarde dessa quarta-feira, em Carbonita, no Vale do Jequitinhonha.De acordo com a PM, Magno Pires Ferreira, de 42 anos, era 3º sargento, lotado em Carbonita. Conforme o Boletim de Ocorrência, o militar estava em serviço quando atirou na ex-mulher Floriane de Cássia leite, de 42 anos, e matou o advogado Ricardo de Oliveira de Lima, de 41, que cuidava do processo de divórcio do casal. A suspeita é de que o sargento não concordava com o fim do casamento.Depois de matar o advogado e ferir a ex-esposa, o militar Magno Pires de Ferreira se matou com um tiro na boca, segundo a corporação.O crime ocorreu no escritório do advogado, no Centro da cidade, onde ocorria uma reunião entre os três. Um soldado do quartel de Carbonita, que fica a 50 metros de distância do imóvel, ouviu os tiros e foi até o local, onde constatou a morte de Ricardo e e Magno e prestou os primeiros socorros a Floriane.

Nenhum comentário: