sábado, 13 de janeiro de 2018

PM Ubatã prende acusados de homicídios durante operação

Uma guarnição do 4º Pelotão da Polícia Militar de Ubatã prendeu, por volta das 10 horas deste sábado (13), Uenderson Santos Silva, 20 anos. A PM chegou até o Uenderson, que é suspeito do assassinato de Silvestre Santos de Jesus, 29 anos, ocorrido em agosto de 2017, integrante do Vinde Jovem da Igreja Católica, após uma denúncia anônima. Segundo o acusado, que confessou o crime, Silvestre se deslocava para o trabalho e, ao sofrer a tentativa de assalto, se negou a entregar a bicicleta. Devido à resistência, ainda de acordo com o acusado, ele teria atirado com uma espingarda na vítima, que foi a óbito ainda no local do crime. O acusado levou a PM até o local onde a arma utilizada no homicídio estaria enterrada, mas ela não foi encontrada. Uanderson, que também assumiu a autoria de diversos roubos de moto na região, afirmou ainda que estaria sofrendo ameaças de morte pelo traficante Júlio de Jesus Santos, 20 anos.
A guarnição, com o apoio do Peto da 61ª Cipm/Ubaitaba, se deslocou à residência do acusado, no bairro Relíquia, onde estavam além de Júlio, um menor de 17 anos e Távio Silva Santos, 19 anos. Na residência, após a chegada e autorização da mãe do suspeito para uma vistoria no imóvel, foram encontradas duas petecas de cocaína. Nas proximidades, onde seria o ponto de tráfico, foi encontrada uma sacola branca com mais 33 buchas de maconha e 14 pedras de crack embaladas para venda. Segundo informações preliminares, Júlio estaria envolvido no homicídio de Zaine de Jesus Santos, 15 anos, esquartejada por quatro pessoas e enterrada no bairro Relíquia, em 2 de dezembro de 2016. Dois suspeitos da morte de Zaine já estão presos. Todos os acusados foram apresentados na Delegacia Territorial de Ilhéus. (Ubatã Notícias)

Nenhum comentário: