quinta-feira, 2 de julho de 2020

Polícia Federal faz operação em Jequié. prefeito será afastado

Duas viaturas com agentes da Polícia Federal cumprem mandados de busca na Rua Stela Câmara D'ubois número 270, bairro Jequiezinho em Jequié. No endereço segundo informações de vizinhos seria a residência de uma funcionária de secretaria de educação do município. Os Policiais Federais chegaram nas primeiros horas do dia e bateram no portão citando o nome da mulher. Uma outra pessoa ao abrir informou que a pessoa procurada teria mudado para outro endereço. Outra viatura da PF teria sido vista no prédio sede da prefeitura de Jequié e outra equipe faz busca em endereço em um condomínio residencial Pindorama. O prefeito de Jequié deve ser afastado do cargo nesta quinta-feira (2). Esse é uma das seis medidas cautelares cumpridas pela Polícia Federal (PF) e Controladoria Geral da União (CGU). Além deles, há outros 11 mandados de busca e apreensão. Intitulada de Old School, a operação combate fraudes em licitações e desvio de verbas públicas em Jequié, segunda maior cidade do sudoeste baiano. As investigações tiveram início no final de 2018, a partir de denúncia de vereadores. Segundo os edis, uma empresa estaria vencendo diversas licitações no município, sendo que em uma dessas licitações, para promover a reforma de 82 escolas nas zonas rural e urbana, os serviços estariam sendo executados de maneira manifestamente insatisfatória. A partir daí a Polícia Federal iniciou a análise e apurou que o município de Jequié celebrara com a empresa em questão um contrato no importe de R$ 8.853.846,66 (oito milhões, oitocentos e cinquenta e três mil, oitocentos e quarenta e seis reais e sessenta e seis centavos), valor a ser pago com recursos do Fundef (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e da Valorização do Magistério), e que, de fato, os serviços nas escolas eram de péssima qualidade. (Jequié News)

Nenhum comentário: