sexta-feira, 2 de outubro de 2020

Alunos convocados para Campanha de Combate a Verminose

Na próxima segunda-feira (5), a Secretaria Municipal da Educação (SME) e a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através do Programa Saúde na Escola (PSE), darão início à Campanha Nacional de Combate à Verminose nas escolas da Rede Municipal de Ensino de Itabuna. Com o slogan “Verminose: é hora de prevenir e tratar”, a campanha, que tem como público-alvo alunos na faixa etária de 5 a 14 anos de idade matriculados no ensino fundamental, objetiva informar e esclarecer acerca dos sinais, sintomas e formas de proteção contra as doenças causadas por vermes parasitas, favorecendo o diagnóstico precoce e o tratamento imediato. Para tanto, as equipes das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) situadas no entorno das unidades escolares estarão nas escolas para ministrar a medicação, que consta de comprimido do tipo dose única. A fim de evitar aglomerações, a campanha seguirá o cronograma de entrega das atividades escolares impressas e o atendimento aos estudantes será dividido por grupos, sendo que o primeiro, na próxima segunda, alcançará aproximadamente 8 mil alunos, do 1º ao 8º anos do Ensino Fundamental. Estima-se que até o dia 14 de dezembro, data de encerramento da campanha, cerca de 14 mil estudantes da Rede Municipal de Ensino recebam a medicação. De acordo com a secretária municipal da educação, professora Nilmecy Gonçalves, “a ideia é intensificar os cuidados e preservação da saúde dos alunos das escolas públicas do município, que em sua maioria, vivem em situação de vulnerabilidade social e elevado risco de adoecimento, ainda que não estejam com aulas presenciais, devido à pandemia causada pela COVID-19”. Os pais e responsáveis, ao levarem os estudantes às escolas para receberem a medicação, precisam observar os protocolos de proteção à COVID-19: crianças e adultos usando máscaras, distanciamento mínimo de um metro e meio entre as pessoas, lavar as mãos e usar o álcool em gel. A SME recomenda ainda que os pais entrem em contato com os gestores escolares, para que horários e grupos específicos sejam informados, antes dos pais se dirigirem às escolas.

Nenhum comentário: