segunda-feira, 6 de julho de 2020

Mais três homicídios tentados no domingo em Itabuna

A violência no mês de julho, já está preocupando em Itabuna, após um mês de Junho tranquilo com três mortes. O final de semana registrou quatro tentativas e 1 homicídio. Só no domingo (5), foram mais três tentativas. Vamos aos casos: 1°) Bruno Ribeiro, 21 anos, foi baleado no peito, braço e ombro, no bairro de Fátima. Segundo informações de populares, os criminosos estavam de carro e chegaram fardados com o uniforme da Coelba. Depois dos tiros, os bandidos fugiram sentido bairro Califórnia. O detalhe intrigante, é como os marginais conseguiram a farda da empresa de energia. 2°) O Jovem Denissom foi perseguido por ocupantes de um carro, não identificado, e baleado quatro vezes no bairro Urbis IV. Os criminosos fugiram tomando rumo ignorado. 3°) Uma mulher, não identificada, foi espancada e esfaqueada pelo próprio marido. O crime ocorreu no bairro de Fátima, Policiais da Base Comunitária do bairro Monte Cristo, foram acionados e prenderam José Ricardo. Muito alterado, ele também queria agredir o próprio filho de 6 anos, mas foi encaminhado ao Complexo Policial de Itabuna. Na tarde de Sábado (4), Danilo dos Santos, 35 anos, foi baleado com cinco tiros, na Travessa dos Vianas no bairro de Fátima. A vítima integra a facção Raio A. Os rivais do DMP chegaram de moto e deflagraram mais de 10 tiros de pistola. Danilo está internado no Hospital de Base, assim como as demais vítimas de domingo. Tirando a mulher, que foi vítima do marido, os outros atentados foram decorrentes da guerra do tráfico de drogas. Em 2020, Itabuna contabiliza 51 assassinatos + 21 bandidos mortos = 72 mortes violentas.

Nenhum comentário: